A mera veiculação, ou reprodução de matérias e entrevistas deste blog não significa, necessariamente, adesão às ideias neles contidas. Tal material deve ser considerado à luz do objetivo informativo deste blog, não sendo a simples indicação, ou reprodução a garantia da ortodoxia de seus conteúdos. Os comentários devem ser respeitosos e relacionados estritamente ao assunto do post. Toda polêmica desnecessária será prontamente banida. Todos os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam, de maneira alguma, a posição do blog. Não serão aprovados os comentários escritos integralmente em letras maiúsculas, ou CAIXA ALTA. A edição deste blog se reserva o direito de excluir qualquer artigo ou comentário que julgar oportuno, sem demais explicações. Todo material produzido por este blog é de livre difusão, contanto que se remeta nossa fonte.
Home » » Cinco motivos óbvios para votar em Bolsonaro para Presidente do Brasil

Cinco motivos óbvios para votar em Bolsonaro para Presidente do Brasil

Written By Beraká - o blog da família on sexta-feira, 11 de março de 2016 | 15:26









COMENTÁRIOS DO BLOG BERAKASH: “O deputado Jair Bolsonaro é polêmico? Sim !!! Porém, as pessoas tendem a crer primeiro no que falam de mal de alguém, e tendem a acreditar em tudo o que a mídia diz. Felizmente hoje com a internet temos como pesquisar informações, sem passar pelo intermédio de meia dúzia de idiotas que querem dominar e manipular a mídia. E como em todo meio profissional, seja ele qual for, é preciso separar os bons profissionais dos picaretas, ou seja, joio do trigo,com o jornalismo não pode ser diferente.Nisso resulta que alguns jornalistas agem de má fé, outros por ignorância, outros por tendências ideológicas, outros por interesses e promoções pessoais. São poucos os jornalistas e meios de mídia que entrevistam Jair Bolsonaro de forma isenta e imparcial. Entendo-o como um sujeito íntegro, apesar de não concordar com algumas de suas ideias. Ele é um conservador  íntegro, o qual podem acusa-lo de tudo, menos de corrupto. Mas eleições não se vencem apenas com integridade, mas também com estratégia política. Isso não significa defender o abandono de seus valores e princípios morais, mas entender o jogo político por trás das eleições para enfim poder existir uma chance de se obter um resultado efetivo. Acho que Bolsonaro seria uma vítima perfeita para as raposas da política, especialmente aquelas da extrema-esquerda. Não o vejo capaz de se desviar do amontoado de estratagemas que estas pessoas são capazes de fazer. Um exemplo claro está em como ele foi uma vítima fácil de Rafinha Bastos em um de seus programas. E olhe que Rafinha é um esquerdista com inteligência muito, mas muito limitada. Imagine diante dos pensadores de plantão das esquerdas infiltrados em todas as nossas instituições ?Não estou questionando a inteligência de Bolsonaro, mas sua perspicácia em termos de guerra política. Para que a direita seja bem representada por um candidato, é preciso que este saiba controlar o frame, manter uma postura combativa, saber ser pragmático e objetivo em suas propostas e daí por diante. Para isso, é preciso, antes de tudo, de um pensamento orientado à estratégia política. Eu particularmente, apesar de desejar muito, duvido que Bolsonaro consiga se desvencilhar das artimanhas que serão lançadas contra ele. Será que ele conseguiria aprender a defender-se e lutar na guerra política em tão curto tempo? Assimilar os conceitos da guerra política não é algo que se faz do dia para a noite. Falamos de uma mudança de mindset e até mesmo da percepção em relação ao mundo que nos rodeia. Se Bolsonaro conseguir fazer isso em tão curto tempo, me surpreenderá. (Eu demorei mais de anos  para assimilar em termos conscientes a nova forma de visualizar a nova  e velha política, por exemplo).Entenda o porque Bolsonaro não é, e não precisa ser nem mito, nem muito menos herói. Ele também não é TODAS as mentiras que falam a respeito dele (homofóbico, nazista, facista, e mais as bobagens que todos já estamos acostumados a ouvir) .Bolsonaro NÃO É MITO, até mesmo porque o mito é uma figura criada para as pessoas idolatrarem. Bolsonaro NÃO É HERÓI, ou salvador da pátria. Engraçado como o povão ainda acredita que exista essa baboseira de herói. Achavam o mesmo de Collor e  Lula, e vejam no que deu e no fundo do poço em que nos encontramos. Isso não significa que Bolsonaro seja igual a Lula ou Collor, pois entre Bolsonaro e Lula há um grande abismo. É como querer juntar água com óleo.E ninguém precisa ser um gênio para saber disso, a não ser as pessoas que somente enxergam ele como homofóbico, nazista, etc, ou seja, pessoas que acreditam em tudo que a mídia lhes fala. Bolsonaro será um Excelente Presidente, disso não tenho a menor dúvida. Se formos analisar a situação de Bolsonaro, ela é semelhante a do governo de Macri na nossa vizinha Argentina. Vejam o que governo Macri fez e está fazendo na Argentina em tão pouquíssimo tempo. O maior desafio de Bolsonaro não será a Economia: e sim  A RESTITUIÇÃO DOS VALORES MORAIS E DA PLENA LIBERDADE DE EXPRESSÃO."







Vamos aos 5 fatos e motivos pelos quais devemos votar em Jair Bolsonaro para Presidente em 2018:



1)- Motivo 1: Bolsonaro é um político de direita conservador:


A esquerda teve sua chance, tanto no mundo, como no Brasil, onde lhe foram dados quatro mandatos consecutivos, algo inédito em nossa história. Está esgotada e descreditada em todos os níveis: Moral e governamental. Diversas pesquisas mostram que o povo é conservador em seus valores morais. Por valores morais entenda-se: Resultado de uma cultura judaico-cristã, com liberdade total de expressão, economia livre, proteção da propriedade privada, incentivo ao desenvolvimento filosófico e cultural.
Uma das bandeiras dos ESQUERDISTAS é conter o avanço do CONSERVADORISMO, mas como pretendem fazer isto ? Na base do grito? Da violência, ou nos argumentos ? realmente a esquerda no Brasil “DEMONIZOU o pensamento liberal”, sem entrar no mérito, e foge da discussão por não ter argumentos para enfrentar esse outro modo de pensar, portanto, é lamentável tudo isto, pois nada de verdadeiro pode ser alcançado desta forma. O Verdadeiro Conservadorismo é este conjunto de bons valores e sentimentos herdados, esta maneira de ver o mundo e compreender a ordem social segundo uma tradição constante e correta de interpretar os acontecimentos à luz da Palavra de Deus. Ora, segundo o grande teórico do Conservadorismo Russell Kirk, no seu Dez Princípios Conservadores, o conservador acredita na natureza humana, em princípios morais sólidos, fundamentados na tradição de nossa civilização, uma ordem moral que herdamos de nossos antepassados e sobre a qual construímos o nosso presente, tendo em vista o futuro, o conservador crê no valor da tradição, dos costumes, e sobre este alicerce firme assenta sua opinião política, desejosa sempre da ordem social e do bem comum. E como Cristão, sou adepto e defensor dos princípios morais fundamentais do Cristianismo, pois está historicamente provado que Moral Cristã é o melhor que há para o desenvolvimento das virtudes, para uma vida digna e para a constituição de uma ordem moral e social justa e correta de uma sociedade. O capitalismo do século XIX era realmente uma coisa abominável, com um nível de exploração inaceitável. As pessoas com espírito de solidariedade e com sentimento de justiça se revoltaram contra aquilo. O Manifesto Comunista, de Marx, em 1848, e o movimento que se seguiu tiveram um papel importante para mudar a sociedade.A luta dos trabalhadores, o movimento sindical, a tomada de consciência dos direitos, tudo isso fez melhorar a relação capital-trabalho.O que está errado é achar, como Marx diz, que quem produza riqueza é o trabalhador e o capitalista só o explora. É bobagem. Sem a empresa, não existe riqueza. Um depende do outro. O empresário é um intelectual que, em vez de escrever poesias, monta empresas. É um criador, um indivíduo que faz coisas novas.A visão de que só um lado produz riqueza e o outro só explora é radical, sectária, primária. A partir dessa miopia, tudo o mais deu errado para o campo socialista. O capitalismo não é uma teoria. Ele nasceu da necessidade real da sociedade e dos instintos do ser humano. A força que torna o capitalismo forte e resistente vem dessa origem natural indiscutível. O capitalismo só seria excludente na medida em que o agente econômico só tivesse o que reclamar, e nunca o que oferecer. Tal situação é exceção para a maioria dos agentes econômicos, e não a regra. Já o capitalismo é justamente o sistema econômico mais sustentável, já que sua lógica interna é a do custo da escolha econômica recair sobre o agente que age e não sob terceiros, o que induz o agente a escolher de maneira racional como agir economicamente. É o Estado e o custo socializado da escolha econômica que gera, de maneira exponencial, a insustentabilidade do uso dos bens sociais.É óbvio que um governo central com seis burocratas dirigindo um país não vai ter a capacidade de ditar rumos a esses milhões de pessoas. 




Quanto ao debate relacionado à privatização, cumpre chamar a atenção para o fato do PT sempre ceder à velha dicotomia impregnada em seus discursos envolvendo estatização e privatização. O partido sempre tentou passar a imagem de que havia uma luta do bem (estatização) contra o mal (privatização). O verbo privatizar foi satanizado por muitos petistas, deixando a ideia de que o interesse público somente seria preservado através da manutenção da atuação estatal sobre a atividade produtiva do País. Além disso temos exemplos de geração de empregos e eficiência de gestão como a Vale do Rio Doce hoje conhecida apenas como Vale segue um trecho retirado do site The Tops Tips do editor Paulo Eduardo que mostra bem a situação da Vale antes e depois da privatização:





“A vale foi privatizada há dez anos. Mais especificamente de 2000 para cá, a Vale comprou 16 empresas no Brasil e no exterior. Fez parcerias com a China. Prospectou negócios na África. Em 2006, comprou a canadense Inco por US$ 13 bilhões (maior negócio já feito por uma empresa latino-americana). Além disso, explora outros metais e até energia elétrica. O número de empregados multiplicou-se por cinco: são 56 mil funcionários e 620 mil empregos indiretos. O Estado arrecada R$ 4 bilhões de impostos com a Vale. O seu valor de mercado é dez vezes mais que antes da privatização, US$ 115 bilhões.”




Isso mostra o quanto é eficiente uma privatização como foi a da Siderurgica Nacional que de empresa deficitária passou a ser lucrativa, gerando mais empregos e rendas. Além disso a privatização acaba com o poder de barganhas dos partidos com seus cargos de livre nomeação onde nem sempre é contratado o mais competente para o cargo e sim o cabo eleitoral mais esforçado. Ou seja, a privatização não é um vilão, na maioria das vezes ela coloca ordem na casa, tira poder de barganha e isso incomoda os políticos.





 







Não tem cabimento. No Bonde da História prevalece sempre a razão, e assim caminha a humanidade, pois não acredito em cultura e nem em ideologia de escritório, ou seja, naquelas criadas em uma sentada ou canetada por pseudo iluminados, mas naquela testada na história da humanidade com tentativas de erros e acertos e naturalmente prevalecida, pois este tal Comunismo dito científico, de científico não tem absolutamente nada, pois tudo que é científico se caracteriza pela repetibilidade em laboratório, coisa que nenhum laboratório social Comunista mundo afora em suas tentativas de implantação o fez até agora, pois tudo descambou em ditaduras sanguinárias e desumanas de esquerda.







Há realmente muito pouca gente interessada em demonstrar as vantagens e, principalmente, o lado moral e ético do capitalismo. Poucos se dão conta, por exemplo, de que, no livre mercado, os indivíduos só são recompensados quando satisfazem as demandas dos outros, ainda que isso seja feito exclusivamente visando aos próprios interesses.
 



Ao contrário de outros modelos, o capitalismo não pretende extinguir o egoísmo inerente à condição humana, porém nos obriga constantemente a pensar na satisfação do próximo, se quisermos prosperar. Além disso, para obter sucesso em grande escala, você tem de produzir algo que agrade e seja acessível a muitas pessoas, inclusive aos mais pobres, e não apenas aos mais abastados.

 



Sob todos os aspectos o capitalismo é bem melhor do que o socialismo. Deveríamos bater mais nessa tecla de que a superioridade moral também é espantosa, e que um abismo intransponível separa um modelo baseado em trocas voluntárias, de outro voltado para a “igualdade” forçada, que leva ao caos e à degradação de valores básicos da civilização. Quando você abastece seu carro, ou quando o avião aterrissa, escutamos o piloto agradecendo pela escolha da companhia aérea. Não por acaso, quando um cliente entra numa loja, a primeira coisa que ouve do vendedor é: “Em que posso ajudá-lo?”. E a última coisa que ambos dizem, depois de uma compra, é um duplo “obrigado!”. Um sinal inequívoco de que aquela transação foi vantajosa para ambos”, pois nesta relação é satisfeito o princípio: de cada um conforme a sua capacidade, e para cada um conforme a sua necessidade”.



O capitalismo fortalece os laços de cooperação e cordialidade, enquanto o socialismo leva ao cinismo, à inveja e ao uso da força para se obter o que se demanda. É verdade que o capitalismo produz resultados materiais bem superiores, mas esse não é “apenas” seu grande mérito: ele é também um sistema bem melhor sob o ponto de vista moral. 




No capitalismo quem chega ao topo, estão mais ligadas às questões do mérito individual, enquanto na burocracia socialista elas dependem de favores e da coação.No socialismo, os que chegam ao topo são os piores, os mais cínicos e mentirosos, os populistas, os bandidos, os exploradores, os inescrupulosos.Vide no Brasil petista, ou na Venezuela de Chávez e Maduro, ou em Cuba.


O empreendedorismo, que é incentivado  em qualquer pais capitalista, no Brasil é uma prática quase proibitiva, pois abrir uma empresa no Brasil é algo extremamente difícil, com uma burocracia e carga tributária pesadíssima, fechar esta mesma empresa então, é quase impossível.



Não é necessário essa dicotomia no capitalismo como existe no socialismo de mercado-solidariedade, muito pelo contrário, ou seja, não é da benevolência, ou solidariedade do açougueiro que a comida chega a minha mesa, mas da busca recíproca de satisfações minhas e dele, ou seja, não precisamos da benevolência, ou solidariedade de governos, ou empresários para ter minhas demandas atendidas, mas do mercado competitivo, é assim que são satisfeitas as nossas necessidades e preferências numa economia livre.



2)- Motivo 2: O Bolsonaro apresentado e deformado pela mídia, não é o verdadeiro



O CQC por exemplo manipulou TODAS as entrevistas do Bolsonaro, editando trechos e dando a impressão falsa é claro, de que ele é "racista" e "homofóbico". É óbvio que tudo isso é jogada da mídia pra tentar descaracterizá-lo como DIREITOPATA. Não podemos negar que não existam gente dessa mentalidade em nosso meio,só que não são maioria. Nem são a totalidade, como querem FORÇAR propositalmente o discurso esquerdista, que sempre os chamam de classe BURGUESA, “elite” ou classe dominante, exploradores, porcos capitalistas, etc.Na direita, existe no máximo, na pior das hipóteses, pessoas INSENSÍVEIS às necessidades e problemas alheios, achando que elas não podem nem devem fazer nada, e que seja cada um cuide de si e esperar que Deus seja por todos (o que não é certo). Se algum direitista fizer isso, deve ser alguém anormal, pois pessoas normais não fazem isso de forma ideológica como fazem os esquerdistas. Entre os esquerdistas, a distorção e a duplicidade, a falta de valores, onde eles e seus interesses é que são o fiel da balança, é comum isso ocorrer, devido ao FANATISMO IDEOLÓGICO, proporcionando uma cegueira e a insensibilidade moral que não os permite discernir verdade da mentira, erro e acerto. Como eles se tornam fanáticos iludidos pela ideologia esquerdista, distorcem a realidade, e invertem os fatos para defender ou amoldar as circunstâncias à sua ideologia, portanto, isso se configura PSICOPATIA AGUDA, GRAVE.São pessoas perigosas, dispostas a usarem todos os meios para atingirem seus fins ideológicos, sem nenhum senso moral ou de discernimento entre fato e imaginação de seus desejos e devaneios e anseios totalitários políticos. Querem destruir a civilização para criar um mundo à sua própria imagem e semelhança. 







3)- Motivo 3: Ao contrário do TOTALITARISMO DAS ESQUERDAS Bolsonaro defende o direito a verdadeira liberdade de expressão:



A verdadeira liberdade de expressão é expressar em cultos religiosos, mídia, teatro, humor, e todas as atividades criativas, tudo que seja possível expressar. Hoje infelizmente no Brasil se vive uma ditadura esquerdista disfarçada. A direita por exemplo, não tem praticamente espaço na mídia, a ponto se levar humoristas a sério e políticos na brincadeira. A verdade é que hoje o Brasil tem uma censura muito pior, a qual nem a ditadura militar jamais implantou. Basta ver os veículos e pessoas pagas pelos esquerdistas, coisa que os militares nunca fizeram. E a lei de liberdade de imprensa que o PT vive tentando fazer manobras para implantá-la na surdina sem o debate necessário.







4)- Motivo 4: Bolsonaro fala o que pensa e fala o que é óbvio:



Lógico que para os defensores do Foro de São Paulo e de tudo que a mídia Tupiniquim manipula, é óbvio que falar o que pensa e falar o que é óbvio choca. As mentes estão tão dominadas pelo malabarismo  ideológico de esquerda, que se esqueceram do que é óbvio. Por acaso não é óbvio dizer que ânus não é órgão reprodutor, mas excretor? E que antropologicamente e fisicamente uma verdadeira família começa não com a união de dois órgãos sexuais iguais, mas diferentes, ou seja: Um pênis e uma vagina? Isto choca porque é óbvio.




5)- Motivo 5: Bolsonaro tem propostas para reerguer o Brasil do ponto de vista moral, intelectual e econômico:








Uma das melhores propostas que Jair Bolsonaro terá condições de implantar são propostas para a volta da intelectualidade no brasil, que desapareceu no final dos anos 90. Também digo que não considero o Bolsonaro "um mito" e apenas analiso a situação da maneira mais racional possível. O Brasil se cansou desse esquema apodrecido de poder e controle social, da mídia e da vida privada que os comunistas do PT, do PSDB, PSOL, PCdoB, PSB, e de praticamente todos os partidos políticos dominados, ou influenciados pela esquerda radical ou moderada.É hora de voltarmos a discutir valores morais, o respeito e defesa à família tradicional que é base da sociedade, ao cidadão de bem de nosso país, a não interferência do estado na vida privada dos seus cidadãos, liberdade de expressão e de vida, obrigação de todos nós brasileiros levarmos uma vida digna e pagarmos nossos impostos e vermos o retorno em serviços públicos a altura das cobranças,o combate intensivo a corrupção, com uma Polícia Federal independente. Hoje, Bolsonaro e seus filhos, são dos poucos que tem essa visão, e são a esperança de um reinício nesse falido sistema político que PT e outros tentam fazer no Brasil.








Em entrevista ao estadão ele falou:


– Se concorrer, qual será sua principal proposta de campanha? Que tipo de projeto vai defender?


Bolsonaro: “Na verdade, acho que a gente tem até lei demais. O Brasil precisa de menos leis e mais cumprimento. Vou defender redução da maioridade penal, por exemplo. Só não defendo adoção da pena de morte, embora seja a favor, porque é uma cláusula pétrea da Constituição e precisaria convocar uma constituinte para discutir o assunto. Mas gostaria de instituir, pelo menos, trabalhos forçados para os criminosos”.


– O senhor vai se apresentar abertamente como um candidato de direita?


Bolsonaro: “Claro que vou. Sou de direita mesmo e não tenho vergonha de dizer isso”.





"O último refúgio do oprimido é a ironia, e nenhum tirano, por mais violento que seja, escapa a ela. O tirano pode evitar uma fotografia, não pode impedir uma caricatura. A mordaça aumenta a mordacidade". (Millôr Fernandes )








4 notícias falsas sobre Bolsonaro mais divulgadas pela mídia como verdades absolutas:



1- Bolsonaro foi citado na lista de Furnas por receber propina.


A lista realmente existiu, mas de acordo a Polícia Federal, era falsa e feita pelo lobista Nilton Antônio Monteiro, cuja intenção era extorquir os políticos citados. Atualmente, o lobista está preso. Já a lista foi desconsiderada após diversas investigações e averiguações por mais de um especialista.


2- Bolsonaro é racista, pois disse que não aceitaria que seu filho namorasse uma mulher negra.


Uma entrevista do “CQC” divulgava que, diante da pergunta "Se seu filho se apaixonasse por uma negra, o que você faria?", feita por Preta Gil, Jair Bolsonaro teria dito que seus filhos jamais fariam isso, pois foram bem criados, e mencionou a palavra "promiscuidade".


"Preta, não vou discutir promiscuidade com quer que seja. Eu não corro esse risco, e meus filhos foram muito bem educados e não viveram em um ambiente como, lamentavelmente, é o teu", foi a resposta divulgada pelo “CQC”.


Preta Gil abriu um processo contra o deputado após essa entrevista ir ao ar. O processo foi arquivado pelo STF (Supremo Tribunal Federal) devido à manipulações na fita da entrevista feita pelo “CQC”, onde não foi disponibilizada a entrevista na íntegra, apenas com cortes, onde não haveria comprovação de que a resposta dada seria, de fato, referente à pergunta de Preta.Após algum tempo, Bolsonaro justificou que entendeu que a pergunta referia-se à gays e não a negros, e que deveriam ter confirmado que ele havia entendido a pergunta antes de prosseguir com a ação. Ainda deixou claro que não tinha nada contra Preta Gil e que a sua "briga" não era contra os homossexuais, mas sim com o kit gay. Além disso, o “CQC” também foi punido por destruir provas, já que gravou outro conteúdo em cima da fita original utilizada no programa com Bolsonaro e Preta Gil.



3- Bolsonaro apresentou apenas um projeto em quase 30 anos de carreira.



O Brasil tem 513 deputados federais. Em 28 anos, a atual Constituição teve apenas 92 emendas aprovadas. A média é de três emendas constitucionais por ano para mais de 500 deputados. Há de se considerar que a maioria não produz projetos que sejam aprovados. Quanto aos projetos de lei,Jair Bolsonaro tem mais de 620 propostas, como pode ser verificado no site da Câmara.



4- Bolsonaro apresentou um projeto para separar sangue doado por homossexuais.



Apesar de bastante divulgada, essa notícia já foi esclarecida pelo E-Farsas, um conhecido site que analisa notícias e as justifica como verdadeiras ou "hoaxes", nome dado as falsas notícias divulgadas com o intuito de chocar e viralizar. A notícia, viralizada em março de 2015 dizia que o projeto em questão permitiria as pessoas que precisassem de transfusão de sangue escolhessem se receberiam sangue de doadores homossexuais ou não.O fato é que Bolsonaro apontou dados do Ministério da Saúde que indicariam que o sangue de pessoas homoafetivas são cerca de 17 vezes mais propensos a ter alguma doença. Porém, nunca fez nenhuma proposta de separar sangue de homossexuais dos de heterossexuais em qualquer momento.



Todas as informações acima citadas podem ser plenamente verificadas em sites de pesquisa e também, no site da Câmara.





Em entrevista deputado Jair Bolsonaro explica porque disse que Maria do Rosário não merece jamais ser estuprada.





Dizer que "não estupraria" a deputada federal e ex-ministra de Direitos Humanos Maria do Rosário (PT-RS) porque ela "não merece" não foi explicado suficiente para o também deputado federal Jair Bolsonaro (PP-RJ). Nesta terça, em entrevista a ZH, o candidato mais votado no Rio de Janeiro nas eleições deste ano "explicou" a declaração:




– Ela não merece porque ela é muito ruim, porque ela é muito feia. Não faz meu gênero. Jamais a estupraria. Eu não sou estuprador, mas, se fosse, não a iria estuprar, porque ela é muito ruim, porque ela é muito feia, não faz meu gênero, jamais a estupraria...disse, por telefone, Bolsonaro.



Na conversa de quase uma hora, o paulista diz que respondeu uma frase da deputada, dita em 2003 ("o senhor é quem promove essas violências"), e garante não se importar com a representação feita pelo PT contra ele, muito menos com o possível processo judicial prometido por Maria do Rosário. Bolsonaro parece tranquilo com o que disse. Para ele, foi apenas  "uma ironia":



– “Eu sou a vítima. Ela é a agressora, pois foi ela quem me provocou, e não o contrário...”



Leia a entrevista com o deputado federal Jair Bolsonaro:


1)- Deputado, o que o senhor quis dizer com aquela frase?


Que eu não sou estuprador!!!!



2)- Mas por que a deputada Maria do Rosário "não merece" ser estuprada?


Ela não merece porque ela é muito ruim, porque ela é muito feia, não faz meu gênero, jamais a estupraria. Eu não sou estuprador, mas, se fosse, não iria estuprar, porque ela não merece...



3)- Mas o senhor acha que tem gente que "merece" ser estuprada?


O estuprador é um psicopata, ele escolhe suas vítimas. Não pega aleatoriamente. Não é a primeira mulher que passa ali numa área de penumbra que ele vai pegar e estuprar. Aquilo foi apenas uma resposta, uma ironia naquele momento.



4)- Em seus discursos e atitudes, o assunto que mais lhe parece caro é a segurança e a ordem. Porém, no discurso, o senhor trata com ironia um dos mais graves problemas de violência no Brasil. Segundo a Secretaria de Políticas para as Mulheres, uma mulher sofre violência a cada 12 segundos no país. O discurso do senhor não diminui a gravidade desse crime?



Você está usando a mesma linguagem de quando se fala em homofobia. O projeto 5398, de 2013, de minha autoria, aumenta a pena para estupro e propõe a castração química para estuprador. Aumento a pena para estupro de vulneráveis, até 14 anos,e pedofilia.



5)- Ok, mas o senhor entende que são duas coisas diferentes? O senhor fala de penalização para quem comete crimes, eu falo de uma cultura de diminuição da mulher. Não lhe parece que o senhor acaba fazendo com que o estupro se torne um assunto menos problemático do que ele de fato é?



Concordo, mas quem começou a provocação foi ela...



6)- Mas isso importa?



Importa, sim!!! O que eu falei foi uma simples ironia.



7)- Mas estupro é um assunto passível de ironia?



Lógico que é passível de ironia...Ora, ela me chamou de estuprador, você queria que eu respondesse como? Ela, como mulher, pode diminuir a questão chamando a qualquer um de estuprador? Ela que começou o negócio.



8)- Mas não era o caso de tratar seriamente o assunto?


Mas como????... Ela é uma desequilibrada!!!



9)- Mas o senhor respondeu com equilíbrio naquele momento?



Ô, companheiro, a minha reação não foi maior que a ação dela. Eu sou homem e não tenho nenhum prazer de ser chamado de estuprador. Tenho filho, tenho família...



10)- Deputado, esse discurso não trata a mulher como objeto e acaba perpetuando uma cultura de estupro?



Olha, vou te dizer uma coisa... Eu sou o cara que mais bate nessa questão de segurança. Se eu for começar a pensar em palavras politicamente corretas, vai ficar difícil de conversar. Não sou politicamente correto.



11)- O senhor é muito criticado pela forma agressiva com que trata seus opositores. O que acha dessas acusações?



Se eu te provocando te dou uma martelada em você por trás, você vai levantar puto, xingar minha mãe... E ai eu que te dei uma martelada, vou reclamar que é você que está sendo agressivo???!!!... A esquerda é especialista nisso, se vitimizam!!!, igualzinho ao período militar: permutam de réu para vítima. Para eles todo mundo foi preso sob tortura, mas ninguém fala o que fez antes de ser preso???... Ninguém fala nada. É a especialidade deles, e é o que fizeram agora...



12)- O senhor, como deputado progressista, não tem o papel de trazer a discussão sobre os direitos das mulheres à tona?



Eu sou liberal. Defendo a propriedade privada. Se você tem um comércio que emprega 30 pessoas, eu não posso obrigá-lo a empregar 15 mulheres. A mulher luta muito por direitos iguais, legal, tudo bem. Mas eu tenho pena do empresário no Brasil, porque é uma desgraça você ser patrão no nosso país, com tantos direitos trabalhistas. Entre um homem e uma mulher jovem, o que o empresário pensa?... "Poxa, essa mulher tá com aliança no dedo, daqui a pouco engravida, seis meses de licença-maternidade...Quem que vai pagar a conta? O empregador!!! No final, ele abate no INSS, mas quebrou o ritmo de trabalho. Quando ela voltar, vai ter mais um mês de férias, ou seja, ela trabalhou cinco meses em um ano...



13)- Mas qual seria a solução?



“Por isso que o cara paga menos para a mulher! É muito fácil eu, que sou empregado, falar que é injusto, que tem que pagar salário igual... Só que o cara que está produzindo, arcando com todos os encargos trabalhistas, perde produtividade e competitividade de forma desleal... O produto dele vai ser posto mais caro na rua por tudo isto, e ele vai ser quebrado pelo cara da esquina, que não arca com esta carga tributária... Eu sou um liberal, por isto, se eu quero empregar você na minha empresa ganhando R$ 2 mil por mês e a Dona Maria ganhando R$ 1,5 mil, tenho minhas motivações e deixo bem claro isto, se a Dona Maria não quiser ganhar isso, que procure outro emprego...”



13)- Mas aí a mulher se ferra porque engravida?



É a liberdade de escolha...tudo na vida tem um preço pelas nossas escolhas...Ou você quer dar cota para mulher? Eu não quero ser carrasco das mulheres, mas vamos dar a Cesar o que é de Cesar...


Fonte: ZHClicrbs

 




Bolsonaro é eleito o político mais honesto do mundo


(Por Josias Oliveira - 7 de março de 2017 – Folha Brasil.com)


A “Fundação Transparência Política Internacional” apontou o deputado federal Jair Messias Bolsonaro como o político mais honesto do mundo. Barack Obama está em segundo lugar e o presidente da França François Hollande em terceiro.


Pesquisa realizada entre os meses de julho a setembro de 2016 avaliou a percepção do eleitorado sobre os representantes eleitos nos países que compõem o G20 (grupo dos 20 países mais desenvolvidos economicamente).


O que mais chamou a atenção dos pesquisadores é que em todos os países o político referência para a população foi o presidente eleito, no Brasil a figura de maior autoridade moral foi um deputado federal.


O Top Five da Honestidade Mundial tem o brasileiro Jair Messias Bolsonaro na primeira colocação e na sequencia conta com Barack Obama (EUA), François Hollande (França), Maurício Macri (Argentina), Theresa May (Renino Unido).


Perguntado pela reportagem da FOLHA sobre a razão de não ter feito nenhuma postagem em suas redes sociais sobre o título de político mais honesto do mundo, o deputado federal Jair Bolsonaro surpreendeu ao dizer que:


“não fiz postagem porque este título não tem a menor importância pra mim. Ser honesto não é nenhum favor que eu faço pra ninguém. Ser honesto é o dever que minha consciência me obriga”.



No Brasil a pesquisa da Fundação Transparência Política Internacional pesquisou três mil eleitores com idades entre 16 e 56 anos nas cinco regiões do Brasil.


Na pesquisa cada entrevistado respondia a uma pergunta aberta: Em sua avaliação, qual o político brasileiro mais honesto da atualidade?


Para 68,3% dos brasileiros o deputado federal Jair Messias Bolsonaro é o político mais íntegro da atualidade. Nos seus respectivos países o resultado foi o seguinte: Obama teve 52,3% de votos, François Hollande 49,8%, Maurício Macri 41,9%, Theresa May 38,4%.



Fonte:http://afolhabrasil.com.br/uncategorized/bolsonaro-e-eleito-o-politico-mais-honesto-do-mundo/
 

Curta este artigo :

+ Comentário. Deixe o seu! + 33 Comentário. Deixe o seu!

11 de março de 2016 17:35

Gosto de seus posts, mas não há exagero em apoiar alguém que é a favor da pena de morte?
Para um católico isso não basta para ser contra?

12 de março de 2016 11:30

Prezado anônimo,

Grato pela visita e elogios aos posts!


"Quem poupa o lobo, mata as ovelhas" - (Vitor Hugo)

A Pena de Morte é extremamente Justa e Caridosa para com o réu, pois são dadas as oportunidades que ele não concedeu às suas vítimas,com crimes muitas vezes praticados de forma Hedionda e com requintes de crueldade. São dados ao réu tempo e oportunidade de arrependimento de seus atos, bem como reconciliar-se consigo, e com Deus, e muitas vezes com os familiares das vítimas. O mesmo durante o tempo de espera da excução tem acompanhamento espiritual e psicológico. A morte é extremamente humana e caridosa: Aplicam-se soníferos e anestésicos antes do veneno letal, ou seja: “O réu morre dormindo...”

São muitos os católicos que por falta de formação e informação desconhecem o MAGISTÉRIO OFICIAL DA IGREJA, e se posicionam por opiniões pessoais e particulares de pessoas, padres, bispos e infelizmente até opiniões meramente pessoal de papas. O nosso magistério Católico é muito claro sobre este tema e deixou isto esclarecido no CATECISMO DA IGREJA CATÓLICA:


Continua...

12 de março de 2016 11:30

1)- Pena de morte:

§2267 O ensino tradicional da Igreja não exclui, depois de com provadas cabalmente a identidade e a responsabilidade de culpado, o recurso à pena de morte, se essa for a única via praticável para defender eficazmente a vida humana contra o agressor injusto.Se os meios incruentos bastarem para defender as vidas humanas contra o agressor e para proteger a ordem pública e a segurança das pessoas, a autoridade se limitará a esses meios, porque correspondem melhor às condições concretas do bem comum e estão mais conformes à dignidade da pessoa humana.

Pena proporcionada à gravidade do delito

§2266 Corresponde a uma exigência de tutela do bem comum c esforço do Estado destinado a conter a difusão de comportamentos lesivos aos direitos humanos e às regras fundamentais de convivência civil. A legítima autoridade pública tem o direito e o dever de infligir penas proporcionais à gravidade do delito. A pena tem como primeiro objetivo reparar a desordem introduzida pela culpa, Quando essa pena é voluntariamente aceita pelo culpado tem valor de expiação. Assim, a pena, além de defender a ordem pública c de tutelar a segurança das pessoas, tem um objetivo medicinal: na medida do possível, deve contribuir à correção do culpado.





2)- LEGÍTIMA DEFESA:


§2263 A LEGÍTIMA DEFESA A legítima defesa das pessoas e das sociedades não é uma exceção à proibição de matar o inocente, que constitui o homicídio voluntário. "A ação de defender-se pode acarretar um duplo efeito: um é a conservação da própria vida, o outro é a morte do agressor.. Só se quer o primeiro; o outro, não."

§2264 O amor a si mesmo permanece um princípio fundamental da moralidade. Portanto, é legítimo fazer respeitar seu próprio direito à vida. Quem defende sua vida não é culpável de homicídio, mesmo se for obrigado a matar o agressor:
Se alguém, para se defender, usar de violência mais do que o necessário, seu ato será ilícito. Mas, se a violência for repelida com medida, será lícito... E não é necessário para a salvação omitir este ato de comedida proteção para evitar matar o outro, porque, antes da de outrem, se está obrigado a cuidar da própria vida.

§2265 A legítima defesa pode ser não somente um direito, mas um dever grave, para aquele que é responsável pela vida de outros. Preservar o bem comum da sociedade exige que o agressor seja impossibilitado de prejudicar a outrem. A este título os legítimos detentores da autoridade têm o direito de repelir pelas armas os agressores da comunidade civil pela qual são responsáveis.

§2266 Corresponde a uma exigência de tutela do bem comum c esforço do Estado destinado a conter a difusão de comportamentos lesivos aos direitos humanos e às regras fundamentais de convivência civil. A legítima autoridade pública tem o direito e o dever de infligir penas proporcionais à gravidade do delito. A pena tem como primeiro objetivo reparar a desordem introduzida pela culpa, Quando essa pena é voluntariamente aceita pelo culpado tem valor de expiação. Assim, a pena, além de defender a ordem pública c de tutelar a segurança das pessoas, tem um objetivo medicinal: na medida do possível, deve contribuir à correção do culpado.


§2267 O ensino tradicional da Igreja não exclui, depois de com provadas cabalmente a identidade e a responsabilidade de culpado, o recurso à pena de morte, se essa for a única via praticável para defender eficazmente a vida humana contra o agressor injusto.

Espantado ?

Shalom !!!

12 de maio de 2016 08:32

Concordo plenamente com o autor. Apoio o liberalismo, a única parte da direita que não sou completamente a favor é o julgamento de homossexuais. Acho que deve ser ensinado que o homossexualismo não se trata de algo realmente normal, deve ser ensinado que um homem deve ficar com uma mulher e vice e versa, mas, se porventura, mesmo sabendo não ser normal, a pessoa decidir que quer experimentar ou viver isso.. é um direito dessa pessoa. É só a minha opinião.

8 de junho de 2016 13:52

Pena de morte tem que haver,se não tiver boas leis com pessoas que faça delas uma realidade o Brasil continuará nesta crise de mortes,assassinatos,estrupos e etc ... Bolsonaro é capaz de se interpor e fazer ser cumprida esta lei,pois se não aonde tudo isso vai parar ? Um exemplo de penas de morte é o Estados Unidos ! Não é um exagero é oque necessitamos.. bjos

14 de julho de 2016 15:19

Seu pensamento é completamente certo, eu também sou contra o julgamento dos homossexuais, pois enquanto humanos, somos todos iguais. Porém, eu sou contra o julgamento de homossexuais morais, éticos, defensores da boa convivência na sociedade, e infelizmente, na realidade atual, o que eu e muitas outras pessoas vêem, é o abuso das ações inconsequentes, praticadas por pessoas que se beneficiam com o liberalismo da esquerda e se defendem através disso para praticarem atos despresíveis. Eu não sou preconceituoso, não sou homofóbico, pelo contrário, respeito a decisão de quem quis tomar um outro rumo, mas assim como não permito atos criminosos, não permito atos abusivos dessas pessoas. Defendo uma realidade que prima pelo respeito e boa convivênvia na sociedade. Abraço!

15 de julho de 2016 14:13

Falou tudo!!! Esse cara tem o meu voto em 2018. É o meu candidato...BOLSOMITOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO!!

3 de agosto de 2016 13:11

Meu voto é pro Bolsonaro!!!!
Parabéns pela materia!!!!
Paz e bem a todos!!

5 de setembro de 2016 19:21

Parece que você entendeu errado, ele apóia mas não pretende coloca-la em ação por conta do trabalho que leva, mas ele vai colocar trabalhos forçados para os criminosos. Terminem de ler o texto antes de vir falar bosta. A propósito, sou cristão e apoio a pena de morte.

12 de setembro de 2016 15:46

Espero pode me expressar sem exacerbações desrespeitosas. O texto que acabo de ler é equivocado. Uma pessoa que age como o senhor Bolsonaro, onde apenas as suas formulações morais são as verdades incontestes, não tem algo de sério para realizar.

12 de setembro de 2016 16:42

Prezado Gera Medeiros,

Toda expressão de opinião respeitosa é muito bem vinda.

O deputado Bolsonaro demonstra uma visão bem mais liberal, e desmente algumas falácias que circulam sobre ele, como se fosse um defensor incondicional do regime militar, por exemplo. É possível detectar um viés nacionalista, e dá para notar que falta embasamento, como no caso da taxa de juros. Isso tudo tem cura. Mas não dá para negar a tendência de evolução, sendo que o principal ativo dele ainda é, sem dúvida, o antiesquerdismo e o veemente antipetismo mesmo. Mas isso é pouco no mundo de hoje, por acaso? No campo dos costumes, é conservador, o que está em falta também na arena política, dominada pela hegemonia “progressista”. Defende a Constituição e se sai bem em temas polêmicos, sem aceitar ser pautado pelos esquerdistas. Alega que a alcunha de “homofóbico” só surgiu quando ele atacou o “kit gay” e a agenda nefasta de “educação sexual” para crianças.Uma eventual disputa com Bolsonaro seria bem-vinda em 2018, pois os debates serão enriquecidos. As propostas de Bolsonaro podem ser conhecidas nos links abaixo:



http://jairbolsonaro2018.com.br/index.php/category/propostas/


http://www.revoltabrasil.com.br/politica/3428-veja-as-propostas-de-bolsonaro-para-concorrer-a-presidencia-da-republica.html

http://rodrigoconstantino.com/artigos/a-nitida-evolucao-de-jair-bolsonaro/


Shalom e volte sempre !!!

24 de setembro de 2016 18:42

Passado os tempos dos governos totalitários e da supremacia ideológica religiosa. Ouvindo o óbvio deixando-te levar pelas palavras fáceis e aceita-los, você direciona a tudo e a todos uma ideia impassível de justiça e serenidade. A ciência rejeitou a fé no sobrenatural como uma verdade universal e o resultado é a tecnologia que tu usas ao ler meu comentário. Foi preciso tecer inúmeras verdades compreendidas e aceita-las para este fim. A política deve seguir o mesmo parâmetro. A sociedade é complexa, enfim, compreendemos. Nunca antes na história da humanidade houve tão poucos homicídios e assassinatos, e inclusive, mais pessoas se suicidam do que morrem por crimes de ódio atualmente. É preciso o Estado ter como pauta o que ciência tem como máxima: provada contrária, a teoria desvencilha-se. A direita é a sobra de uma ideologia absolutista dum passado negro da sociedade que viu a estagnação científica, política e social, independente do que ISSO SIGNIFIQUE NA POLITICA HOJE. Tomamos a homossexualidade como base: ao criminalizar a "homofobia", ambas as partes são indolor a tal, havendo respeito mútuo (seria como criminalizar a intolerância contra 2 braços e 2 pernas), contrário teríamos um problema. Evoluir significa crescer/ultrapassar, e seguindo a perspectiva humanista da sociedade, a direita prega a estagnação, se não a descensão. Imagine você o extremo absurdo de tal pensamento no meio científico -Não seria ciência. Rodeios e argumentos em demasiado é como códigos que sustenta a Google, ou longas equações: estando corretos o resultado é muito mais preciso.

26 de setembro de 2016 10:19

Prezado Poseidon,

POR QUE A DESCULPA DE VOCÊS PTISTAS É SEMPRE A MESMA ?



“A elite branca está incomodada porque os pobres agora andam de avião, vão ao cinema, fazem supermercado e compram carros...Será mesmo ???”


Falam tanto que a vida do pobre melhorou com o PT, mas, já que é assim, por que a criminalidade não caiu justamente nas áreas pobres e de risco social ?Afinal, não são os petistas que vivem repetindo feito uns papagaios que "crimes são causados pela miséria"? Mas todos estão vendo essa contradição, com eles dizendo, ao mesmo tempo, que "crime é causado exclusivamente pela miséria", e que "nunca antes se fez tanto contra a miséria", e todos vendo os crimes bárbaros só aumentando, e os bandidos se sentindo cada vez mais à vontade, porque sabem que os partidos de esquerda só afrouxam as leis e os protegem sempre como vítimas e jamais como cúmplices.Em países sérios (o Brasil está anos-luz disso) a pobreza é residual e não se usa Bolsa-Família às dezenas de milhões, como uma compra descarada de votos.



Agora fala sério caro poseidon:Você acha que com R$ 120 reais de Bolsa-Esmola dá para sair da miséria absoluta e comprar carros, andar de avião, fazer supermercado e gozar dos benefícios meritocráticos do Capitalismo? Estão mascarando os fatos.A grande verdade é que as pessoas não estão melhores DEVIDO ao PT, mas APESAR dele. Afinal quem financiou estes programas foi a classe média, que sofreu e sofre o pão que o diabo amassou para manter os bolsa-esmolas do PT, para que ele ganhe os votos deste curral eleitoral criminoso feito às custas dos pobres usados como MASSA DE MONOBRA para o projeto de poder do PT. A classe média sabe o quanto trabalho e quanta humilhação tem que aguentar para ganhar meu suado dinheiro, que paga seus impostos e não ver o retorno em saúde, educação, segurança e habitação.




Caro poseidon, aquele partido inicial do PT não existe mais. No dizer de um dos respeitados cardeais do petismo, o ex-governador e ex-ministro Tarso Genro, o PT precisa ser refundado. O líder gaúcho vinha pregando esta tese desde que o escândalo do Mensalão emergiu, ceifando a carreira política de José Dirceu, o que colaborou para precipitar a chegada de Dilma Rousseff ao poder.



O segundo grande perdedor é Luiz Inácio Lula da Silva, o homem que saiu dos rincões do país de pau-de-arara, penou até se tornar um sindicalista proeminente e depois alcançou a Presidência da República, sendo o presidente mais popular em décadas. Este Lula também não existe mais. Ele sai bem menor deste episódio. Não só porque viu seu prestígio ser detonado por deputados vira- casacas, que prometeram barrar o impeachment e na frente das câmeras agiram de modo totalmente contrário. Isso é do jogo político. O problema de Lula foi se prestar ao papel de “bombeiro” de uma crise criada pela sua afilhada política, que paralisou o Brasil, fez a inflação disparar e ceifar empregos. E ao mesmo tempo Lula teve o displante de buscar guarida neste governo cambaleante no afã de conquistar foro privilegiado para escapar do cerco da Operação Lava Jato que está se fechando sobre ele. É vergonhoso, companheiro !!! porque quem não deve não teme !!! Concorda ?


Continua...

26 de setembro de 2016 10:20

Lula, se quiser recuperar pelo menos uma parte da credibilidade, precisa se reciclar, assumir que cometeu erros. Nem a formidável militância petista de outrora já não o segue cegamente, está longe de “incendiar o país” como Lula pretendia. Este Lula não tem envergadura para disputar a sucessão de Michel Temer em 2018.Citando novamente Tarso Genro, que parecia uma das poucas pessoas que ainda tinha juízo neste partido, na hora da prestar contas na campanha o PT ficaria devendo. “Quem disse que é viável uma candidatura do Lula em 2018, em função dos resultados do governo da presidenta Dilma? E quem disse que ele quer? citou em entrevista ao jornal O Estado de S. Paulo.Mesmo que queira ser candidato, Lula antes terá explicar como se tornou beneficiário de uma triangulação criminosa: o dinheiro saía da Petrobrás, passava pelas empreiteiras e parte dele ia para o ex-presidente em forma de pagamentos dissimulados de palestras, viagens pelo mundo, o sítio de Atibaia e o triplex do Guarujá. Isso sem contar que os desvios provêm da Petrobras, a maior companhia brasileira, hoje uma das maiores empresas mais endividadas do mundo. Não vamos nos esquecer também da Operação Zelotes.


Muita água ainda vai rolar até 2018. Por isso o importante é se concentrar no agora. E os escombros desta crise apontam que o projeto de poder do PT fracassou. O partido mostrou incompetência na gestão pública e causou destruição do patrimônio estatal. Aparelhou febrilmente a máquina pública mas não conseguiu o seu controle e se afundou no lodo da corrupção. Paralelamente a este processo, Lula e Dilma mentiram descaradamente à população na campanha de 2014, só para se manter no poder. O resultado é que o país afundou numa crise econômica sem precedentes.Em 2015, a recessão atingiu 3,8% o que nos colocou em 30.º lugar entre 32 países pesquisados. Só ganhamos da Venezuela, que está quebrada e já encurtou até a jornada dos servidores públicos para economizar, e a Ucrânia, que está sendo massacrada pelo poderoso exército russo.



Dias melhores virão? Eu, diria que já são dias melhores porque no momento em que o projeto de poder do PT ultrapassou todos os limites, os instrumentos de defesa da democracia se fizeram presentes e mostraram que ninguém está acima da lei.O Estado Democrático de Direito representados na Justiça, Ministério Público e a Polícia Federal reagiram para colocar um fim neste descalabro. Além disso, o PT não conseguiu censurar os meios de comunicação, que permaneceram livres mostrando para a sociedade os intestinos do poder, dando um contribuição vital para o debate.

Continua...

26 de setembro de 2016 10:20

Com relação a homofobia caro poseidon, penso da seguinte forma:Existe uma homofobia que deve ser reprovada e combatida e outra que deve SER RESPEITADA, pois é melhor ser Sincero do que ficar posando de HIPÓCRITA e neutro para agradar a gregos e troianos não acham? E detalhe, nem Cristo agradou a todos, quanto mais eu.Sou HOMOFÓBICO sim com relação as práticas depravadas DA MILITÂNCIA GAY - Em uma sociedade democrática não posso ter opinião contrária .Se pelo ao menos os gays ficassem quietinho no canto deles vivendo a sua homossexualidade SEM MMILITÂNCIA não seriam tão atacados.Mas além da depravação, querem impor o gayzismo, casamento, adotar filhos e ainda querem que nós Cristão fiquemos calados ? Ai é querer demais não é não ? Ora,toda ação tem reação, é um princípio básico da vida meus amados(as).





Não quero aqui convencer ninguém a pensar igual a mim, mas apenas, colocar meu ponto de vista, já que vivemos em uma sociedade dita democrática e com liberdade de expressão até agora(Não sei no futuro com o PT governando).Minha homofobia não é com relação a pessoa em si do homossexual, a ponto de despreza-los e rejeitá-los com violência e discriminações, Não !!! Quem age assim para com a pessoa do homossexual, está sendo desumano e injusto, e se for Cristão, não age como um verdadeiro Cristão. Pois constatamos que estes pobres coitados, são mais vítima que cúmplice, e são mera massa de manobras destas ditas vanguardas ideológicas. A minha homofobia é com relação a esta DITADURA da CULTURA GAY que quer impor-se a qualquer custo, inclusive por força da lei à Sociedade. Por fim minha homofobia é com esta militância promíscua e depravada de suas lideranças fanáticas e neuróticas, que chegam ao ponto de invadir espaços religiosos e cometer vilipêndio religioso, favorecendo a CRISTOFOBIA que também é crime.A questão aqui não é a guerra contra os homossexuais, a pessoa que leva uma vida homossexual sem militância,mas o movimento GLBT e sua reivindicações absurdas. Ninguém aqui apóia a violência contra pessoas por sua orientação sexual, somos humanos civilizados.Somos progressistas, propomos uma evolução, uma novidade, que a família natural passe a ser valorizada como instituição mais importante da sociedade.

Continua...

26 de setembro de 2016 10:21

Desejamos que a TV em seus programas, novelas e seriados também façam apologia à fidelidade conjugal, à obediência aos pais, ao sexo responsável e que toda a sociedade seja alertada para o caos que recai para uma sociedade que ignora os princípios divinos.


Se lideranças pró homoafetividade podem falar e fazerem o que bem querem, porque negar este direito de pensar diferente ? O que vc tem a dizer sobre isto isto caro poseidon:



"Precisamos de vocês heterossexuais para que reproduzam e se tornem novos Gays e novas Lésbicas" - (Palavras de Luiz Mott, ativista Gay, em entrevista no Jô Soares).




E sem querer generalizar para não ser injusto, pois nem todos os homossexuais são iguais, e inclusive tenho amigos homossexuais que não concordam com esta depravada e promíscua APOLOGIA DA CULTURA GAY.Porem, é fato que a maioria dos Gays assumidos e MILITANTES são depravados e sofrerem aquilo que a psicologia chama de TESCOM - O que é isso?








RESPOSTA: Transtorno Emocional, Sexual-copulativo e Moral (Ou seja, só pensam em Sexo, como se a vida se resumisse aos órgãos genitais)?



Por causa disto devem obrigar PELA LEI todos a serem também ? E Chamam isto de liberdade e Felicidade ?


A Ciência já comprovou: Não existe Gene Gay, ninguém nasce Gay, mas opta em ser Gay- Portanto,é questão de opção, e uma opção segundo a Moral Cristã revelada por Deus nas escrituras: Errada, promíscua, desregrada e escravizante. Por que esta parcela de G A Y S militantes e assumidos, que não conseguem conviver com a maioria que são normais, não vão todos morar em uma Ilha ?Já que são minoria, mas pessoas inteligentes e de posse, por que não compram um Condomínio só pra eles? E assim, poderem fazer a sua Sodoma e Gomorra particular e FAZEREM TUDO QUE QUISEREM POR LÁ SEM SEREM IMPORTUNADOS ??? E deixar os outros que não concordam com isto em Paz ?






E não me venha com este papo furado de você está promovendo a Homofobia (Pavor de homossexuais), pois não se trata disto como já expliquei acima, e repito: Repudio não a pessoa do homossexual que é mais vítima que cúmplice destas vanguardas ideológicas, mas repudio suas práticas depravadas e promíscuas e anti Cristãs.

Continua...

26 de setembro de 2016 10:22

O termo homofobia não se aplica aqui, mas simplesmente o direito a liberdade de pensamento.Se o argumento fosse válido, Deus não desaprovaria estas práticas como fez em Sodoma e Gomorra. Só falta dizerem que DEUS e a bíblia são HOMOFÓBICOS ?





O problema não é SER HOMOSEXUAL, mas a APOLOGIA DO HOMOSEXUALISMO CULTURAL



O problema é que os homossexuais querem impor-se a qualquer custo invadindo a privacidade e liberdade dos outros. O seu direito termina onde começa o meu, concorda ? Esta é a regra mínima para a convivência em sociedade.



Respeito é uma via de mão dupla concorda ? Se querem respeito ???Respeitem primeiro !!! Pois estas paradas Gays são uma Verdadeira Depravação e deboche sem tamanho, e uma afronta a moral e bons costumes das pessoas normais quer sejam Cristãos ou não; e quando não em muitos casos: Vilipêndio Religioso, que é Crime.




O dinheiro que o PT gastou apoiando esta depravação não teria sido bem melhor ter aplicado na Saúde e Segurança que está um caos ?



Quando falamos de DITADURA GAY, é porque eles não respeitam ninguém, e COM SUAS DEPRAVAÇÕES SUPOSTAMENTE PROTEGIDAS PELA LEI, se julgam no direito de achar que todos são depravados que nem eles também !!!??? Ora tenha paciência !!!Novamente não digo todos, mas a maioria, só andam rebolando o traseiro de forma ridícula, para chamar atenção para seus desejos libidinosos, insensatos e desnaturais. Quando olham para alguém , já olham com olhar de " desejo" e " convite sexual", não importando-se com nada.



Só vivem pensando em sexo e órgãos genitais ??? Anus é um órgão excretor,foi feito pra defecar e ponto final, qualquer um que use para outros fins, peca contra a Moral Cristã, e está errado tanto homo, como héteros, tanto do sexo masculino como feminino e ponto final!.

Continua...

26 de setembro de 2016 10:22

Como podem querer uma reação passiva por parte de toda a sociedade que em sua maioria é Cristã ?



Como querem então a todo custo que esta maioria aceite este modo ANORMAL e não natural de vida ??? E ainda querem impor a exceção por força de lei como regra para toda sociedade ?



Que eles busquem se converter, peçam perdão a Deus por esta depravação, e parem de promover a depravação!!!

Pense nisto e procure ver também esta questão por outro ângulo.

Shalom !!!

26 de setembro de 2016 20:11

Os lados são contrários e as farpas eternas, assim será até os fins dos tempos. O que tu disseste é esperado de um cidadão inconformado. Achas repugnante a atração dum homem por outro e duma mulher por outra. É errado! É bíblico! Meus pais me educaram...!
Não estais errado, o senso moral molda a cultura humana: tribos indígenas sacrificam bebes em detrimento de uma tribo forte, resistente, saudável; os espartanos faziam o mesmo -seria absurdo sequer pensarmos considerar isso, não é mesmo? Conceito ético é fruto da cabeça do homem.
Questão que atualmente a sociedade é regida pelo mantra “liberdade, igualdade e fraternidade”. Antes negros foram escravizados, mulheres possuíram menos direitos, gays viveram marginalizados etc. Hoje a minoria ganha força, e os princípios dos de ambos os lados foi o combustível. Era inevitável! A maioria desvaneceu, foi uma contradição mais sentida do que vista, e apoiada silenciosamente por, ironicamente, eles próprios.
Seremos francos: direitos iguais aos homossexuais? Então andar de mãos dadas, beijar na boca, sexo e casamento está no pacote, do contrário teríamos uma contradição. Direitos negados? Novamente uma contradição: a constituição, os estudos metodologicamente elaborados para compreensão do impacto de determinados comportamentos em um âmbito individual e social, e principalmente o senso moral da população entrelaçado na crença da igualdade e da imaculada verdade da ciência, nega o aquém do comportamento em relação a da maioria. É muito simples: a minoria não tornou-se gigante por suas ideias, mas por seus direitos, estes que majoritariamente apoiamos (você incluso). E, assim, tal quão injusto é condenar um rebanho pelas “desvirtudes” de um carneiro, cada ponto citado por ti tentando contrapor é tão isolada quando individual, algo que mais futuramente as pessoas encarará como encaremos as opiniões do estadunidenses, no passado, em relação aos escravos -O conceito é o mesmo.
Sobre o Partido dos Trabalhadores, nem vou comentar. A base para evolução de uma sociedade são as cabeças que as constitui, logo a educação. Ponto.

27 de setembro de 2016 16:40

Prezado Poseidon,

É claro que posso amar e beijar sim uma pessoa do mesmo sexo, como amo e beijo constantemente com meu velho pai, meus irmãos biológicos e meus três filhos homens. E não preciso me relacionar sexualmente com eles para demonstrar meu amor. E sem querer generalizar para não ser injusto, pois nem todos os homossexuais são iguais, e inclusive tenho amigos homossexuais que não concordam com esta depravada e promíscua APOLOGIA DA CULTURA GAY. Porem, é fato que a maioria dos Gays assumidos e MILITANTES são depravados e sofrerem aquilo que a Psicologia chama de TESCOM – Sabe o que é isso caro Poseidon ?









RESPOSTA: Transtorno Emocional, Sexual-Copulativo e Moral (Ou seja, só pensam em Sexo, como se a vida se resumisse aos órgãos genitais). Por causa disto então, segundo seu entendimento, vocês devem obrigar PELA LEI todos a serem também ? E Chamam isto de liberdade e Felicidade ?



Caro Poseidon estude um pouco mais, saia deste seu mundinho. A Ciência já comprovou: Não existe Gene Gay, ou seja, ninguém nasce Gay, mas opta em ser Gay, portanto caro Poseidon, tudo é questão de opção, e uma opção segundo a Moral Cristã revelada por Deus nas escrituras: Errada, promíscua, desregrada e escravizante.

Faço aqui uma pergunta: Por que esta parcela de G A Y S militantes e assumidos, que não conseguem conviver com a maioria que são normais, não vão todos morar em uma Ilha ?Já que apesar de serem minoria, reconheço são pessoas inteligentes e na grande maioria de posses, por que então não compram um Condomínio só pra eles? E assim, poderem fazer a sua Sodoma e Gomorra particular ? e FAZEREM TUDO QUE QUISEREM POR LÁ SEM SEREM IMPORTUNADOS ?Deixando os outros que não concordam com isto em Paz ?E não me venha com este papo furado de que eu estou está promovendo a Homofobia (Que é o Pavor de homossexuais), pois não se trata disto como já expliquei, e repito: Repudio não a pessoa do homossexual que é mais vítima que cúmplice destas vanguardas ideológicas, mas repudio suas práticas depravadas, promíscuas e anti Cristãs.O termo homofobia não se aplica aqui, mas simplesmente o direito a liberdade de pensamento. Se o argumento fosse válido, Deus não desaprovaria estas práticas como fez em Sodoma e Gomorra. Só falta dizerem que DEUS e a bíblia são HOMOFÓBICOS ? O problema caro Poseidon, não é SER HOMOSEXUAL, mas a APOLOGIA DO HOMOSEXUALISMO CULTURAL.




O problema é que os homossexuais querem impor-se a qualquer custo invadindo a privacidade e liberdade dos outros. O seu direito termina onde começa o meu, concorda ? Esta é a regra mínima para a convivência em sociedade.Respeito é uma via de mão dupla concorda caro Poseidon? Se quer respeito ,respeite primeiro!Pois estas paradas Gays são uma Verdadeira Depravação e deboche sem tamanho, e uma afronta a moral e bons costumes das pessoas normais quer sejam Cristãos ou não; e quando não em muitos casos: Vilipêndio Religioso, que é Crime.


Shalom !!!

9 de novembro de 2016 14:17

Mano... você citou Victor Hugo (autor de Os Miseráveis, meu livro preferido) como sendo A FAVOR da pena de morte, O CARA ERA UM HUMANISTA!

Palavras dele: "Está pois a pena de morte abolida nesse nobre Portugal, pequeno povo que tem uma grande história. (…) Felicito a vossa nação. Portugal dá o exemplo à Europa. Desfrutai de antemão essa imensa glória. A Europa imitará Portugal. Morte à morte! Guerra à guerra! Viva a vida! Ódio ao ódio. A liberdade é uma cidade imensa da qual todos somos concidadãos"

1) Imagine se instituir a pena de morte... acha que bandido vai deixar de cometer crime? Drogado vai parar de se drogar? Vai acontecer EXATAMENTE a mesma coisa dos EUA na regra do terceiro crime de um Estado (que não vou lembrar o nome). No terceiro crime, não há testemunhas, por quê? Porque eles matam pra não precisar ir pra julgamento \o/. Você, se fosse condenado à morte, ficaria chorando em casa ou entraria no shopping com uma UZI?

2) O papa é contra a pena de morte.

3) Bolsonaro tem caráter...mas falta formação humanística dele, mais de uma vez esse cara verbalizou contra os homossexuais, uma entrevista foi até pra playboy. Depois, ele é um político, mano, ele já apareceu ao lado de gays, claro, é político, é o trabalho dele ser "bem visto"!

4) Pena de trabalhos forçados, segundo a nossa CF, não pode. Aulas de Direito Constitucional é bom.

5) Você escreve realmente bem, cara. Temos opiniões diferentes, mas respeito isso, pareces inteligente. Porém, isso de bons costumes... na Roma antiga a praça pública era um...(perdão da palavra) puteiro. O que é depravação pra uma sociedade hoje pode não ser amanhã.

OBS: Gostei da postagem, continuaria não votando no Bolsonaro por outras razões, mas como falei, respeito quem tem opinião diversa.

9 de novembro de 2016 22:11

Você afirma que existe um tipo de homofobia que respeita, mas isso não existem. A partir do momento que se assume homofobico, você assumo que tem "fobia" à homoafetividade. Como cristão, recomendo que leia a bíblia. Lá você vai achar diversas citações como: nao deverás dormir com sua esposa quando a mesma estiver em seu período menstrual; nao comerás carne; não fará tatuagem... entre diversas outras. Me desculpe, mas eu acredito que se você apoia tanto Deus, deve seguir seus mandamentos sem hipocrisia, não gosta de homossexuais graças a biblia, então nao faça tatuagem e crie um discurso de ódio para quem faz, ou até mesmo quem tatua em sua pele "Jesus, eu sigo", ou coisas do tipo; nao durma com sua esposa quando ela estiver em seu período; nao coma carne e não use roupas de poliéster. Sobre a adoção e casamento, os homossexuais adotam crianças que foram rejeitadas por heterossexuais, por famílias tradicionais que nao aceitam qhe a filha tenha um bebê tão nova, e jogam a criança em um orfanato. Essa criança terá o amor dos novos pais, independente do sexo, porque amor é amor, independente de cor, gênero, idade ou qualquer coisa do tipo. Dentro desse argumento de adoção, também entramos na legalização do aborto, pois muitas adolescentes ganham crianças por não poder abortar e criam esses filhos, muitas vezes, em situações precárias. A criança não terá um futuro, não terá uma educação de qualidade, não terá acesso as coisas adequadas para se ter uma vida razoável... Enfim, não acredito que um cara como Bolsonaro, que discursa que gay é falta de surra, que lugar de mulher é na cozinha e que apoia um torturador da ditadura, mereça estar no poder.

11 de novembro de 2016 02:39

Boa noite
Caro colunista, raramente escrevo minha opinião em respostas desse formato, mas lá vai
Seus argumentos são bons, mas generalizados.
Entenda, eu sou de direita, e pretendo votar para Bolsonaro, uma vez que as propostas dele me parecem bastante plausíveis. Entretanto, também sou feminista (não femista). O feminismo verdadeiro não tem partido, não tem mimimi. A generalização que você aplicou em seu texto deixou-me desconfortável, pois ser feminista não é sinônimo de fazer essas "anarquias" que infelizmente tornam-se a doutrina de alguns.
Assim como ser "pobre" não culmina em ser criminoso e ser homem não resulta em ser estuprador, ser feminista não significa "ser contra a família".
O grande problema da atualidade, é também um grande auxílio: a grande demanda e informação, a sua acessibilidade e a grande rapidez com que ela é espalhada. Com isso, vêm a alienação. A sociedade apedreja os(as) feministas, sem ao menos saber a doutrina que pregamos.
Antes de mais nada, gostaria de esclarecer que não concordo com os ditos "movimentos feministas" atuais, pois na maior parte das vezes, infelizmente, são mulheres igualmente alienadas, que distorcem a ideologia verdadeira, e tornam o "feminismo" algo horrível. Essas mulheres não fazem ideia do que estão fazendo.
Segundo, o mesmo ocorre para os homossexuais. Não é porque sou "gay", que quero sair por ai aloprando, anarquizando e querendo obrigar as pessoas a serem como eu.
É como querer apedrejar todos os padres bons, por causa do que aconteceu na Santa Inquisição. Afinal, ambos os lados respondiam pelo mesmo nome e pela mesma religião, mas obviamente são completas antíteses.
Ser gay não é ser contra a infância. Ser alienado e ignorante é que é!Eu votarei em Bolsonaro, pois minha doutrina me diz que "todos são iguais", e é isso que ele prega.
Caso venha a apagar meu comentário, saiba que em momento algum tive intenção de ofender ou subjugar seu texto. Só quis expor meu ponto de vista, para que seus argumentos não pareçam generalizados e fanáticos.
Um grande abraço.

14 de novembro de 2016 03:14

Errado, você dizer para uma criança que ela não é normal por gostar de algo é o mesmo que você tirar o direito dela ser livre para escolher, eu acho que não se deve ensinar nada sobre isso e deixar a vida seguir seu curso naturalmente.
Não coloquem todas as esperanças em um homem pelo que ele fala.
Não sou de esquerda, nem de direita, nem sei oque sou mais.
Eu só queria que vocês parassem.
Eu disse a mesma coisa para os de esquerda e digo aqui sem medo.
Vocês traíram o seu próprio povo, e deixaram o seu país morrer, porque acreditam em uma ideologia morta que nem a sua (direita/esquerda).
O povo um dia fará a paz sobre as suas cabeças, e um dia, teremos líderes que pensam, não em uma bandeira, não em uma ideologia ou morais, mas sim no povo.

17 de novembro de 2016 12:10

Prezadas Camila Vespa e Chayanne Rech

Espero ter encontrado pessoas que queiram fazer realmente um debate sério no campo das idéias, sem partir para agressões verbais e forma pessoal.

Não confundir bom senso com homofobia.Desde que o vocábulo homofobia se tornou popular, a palavra preconceito parece que vem perdendo espaço no vocabulário dos gays. É como se o conceito de preconceito tivesse se tornado 'light' demais. Preconceito e homofobia têm significados diferentes. Embora a primeira esteja totalmente inserida na segunda, o contrário não se aplica. Preconceito continua e é um sentimento que pode desencadear uma série de outros ainda mais graves, como a homofobia. Mas confundi-las e ou vulgarizar a palavra homofobia pode ser muito perigoso até mesmo para a comunidade LGBT.


Quando alguém afirma por exemplo, que os gays querem proteção especial na sociedade, leis próprias, etc, é justamente porque ele acha que a sua liberdade de ir e vir e de expressão está sendo invadida e tolhida. E ele pretende continuar exercendo o seu direito de não gostar de gays, como você o seu de não gostar de religiosos, de políticos, de machistas e de feministas fanáticas. E mais importante: quer livremente expor seus pensamentos com relação à homossexualidade, baseado em suas convicções de que não a pessoa, mas a sua prática é abominável a Deus, e não trás nenhum benefício à sociedade, e de que não deseja esta condição para o filho de ninguém, etc e coisa e tal. Portanto, enquanto se expuser ideias e pensamentos contrários sobre a tentativa de se impor a qualquer custo a cultura gay, sem perseguir, caluniar, injuriar, difamar, desonrar e ou agredir física ou moralmente, ninguém neste âmbito não poderá ser acusado de homofobia.


Continua...

17 de novembro de 2016 12:10

Vamos a um exemplo prático porém fictício, em uma conversa sobre o tema:

Fulano: - Olha aquele cara da mesa ao lado. Por que ele se expressa daquela maneira, tão afeminada?

Sicrano: - E o que há de errado nisso?

Fulano: - Não sei se é errado. Isso não me choca e até passa batido, mas não acho legal. Na minha opinião, homens gays que exageram em gestos femininos dessa forma deturpam a imagem dos próprios homossexuais como um todo. É essa a imagem que fica registrada na mente das pessoas menos tolerantes quando se manifestam a respeito da homossexualidade.

Sicrano: - Isso é homofobia, sabia?

Beltrano: - Não Sicrano !!!. Isso é preconceito! Fulano expôs o seu pensamento e tem todo o direito de fazer isso. Homofobia seria se ele, furioso, invadisse o espaço do cara e tirasse satisfações, ou coisa pior, como se cara tivesse culpa de ser assim, ou não tivesse a liberdade de fazer suas escolhas...


RESUMO DA ÓPERA: Sicrano está certo ao questionar Fulano para este desenvolver seu pensamento. E este tem todo o direito de expor o que pensa de forma objetiva e educada. Não podemos desassociar o conceito popular do jurídico para o vocábulo homofobia. Pelo contrário, quanto mais vulgarizarmos o termo, mais complicado será para legisladores conceituá-lo em projetos de leis que visem a sua criminalização. Ou seja, quanto mais generalizamos, menos aceitação pública terá uma suposta lei. As pessoas, mesmo favoráveis à criminalização da homofobia, poderiam interpretá-la como equivocada porque foram sugestionadas equivocadamente. Cada vez menos o ser humano consegue discernir a enorme diferença entre homossexualismo e viadagem exibicionista, cada vez mais o ser humano confunde discriminação com preconceito, e cada vez mais o ser humano tem a necessidade de agir como vítima.


Nem toda discriminação é preconceituosa, porém, muitos ainda insistem em tratar os dois como a mesma coisa. Há atos de preconceitos que são coerentes. Nem todo mundo é obrigado a gostar e concordar com tudo. Existe aquele papo clichê de que todo mundo possui algum tipo de preconceito, e Isso é legítimo. Nós mesmos costumamos ser bem convicto sobre o que gostamos e o que não gostamos, sobre o que queremos e o que não queremos, por isso, agimos de forma preconceituosa e convicta com frequência.

Continua...

17 de novembro de 2016 12:11

homossexualismo é atração sexual e afetiva por pessoas do mesmo sexo. PONTO !!!. Com relação a isso não posso condenar ninguém. JAMAIS vou discriminar alguém pelo simples fato de ser homossexual. Só que um homem, ou mulher homossexual, não precisa agir de forma afeminada ou masculinizada só porque sente atração pelo mesmo sexo, ou seja, uma mulher lésbica não precisa coçar o saco (que nem tem), e agir como macho só porque é lésbica. E é essa exposição extrema que diferencia a homossexualidade da viadagem provocadora, e é deste tipo de pessoas que a sociedade quer distância. E absolutamente NÃO, não estou sendo preconceituoso. Minha aversão a este comportamento não é precipitada. Gente escandalosa de qualquer âmbito, seja político, social, cultural, religioso e moral, sempre foi algo perturbador para as pessoas de bom senso. Poucos se sentem confortáveis mesmo diante de um casal hétero se beijando, e se relacionando de forma obscena publicamente, com a intenção de realmente provocar, fazendo e falando obscenidades em volume alto em ambientes públicos como ruas, Igrejas, escolas e principalmente na frente de idosos, famílias reunidas e de crianças. A pergunta que não quer calar é: Por que entre os "homossexuais" isso tem que ser diferente? Por que o COITADISMO os dá o direito de extrapolar os limites do bom senso, se eles são os primeiros a dizer que NÃO SÃO DIFERENTES de nós, os heterossexuais? Isto é justo?, ou seja, na hora de reclamar da discriminação, são iguais. Mas quando convém, eles não precisam respeitar quem tá ao redor? Muito cômodo!

Em uma sociedade onde o RESPEITO virou opcional, ou unilateral, isso é gravíssimo. As pessoas não podem simplesmente ignorar que existe um mundo além de seus umbigos. Homofobia é discriminação contra a pessoa homossexual. Que eles lutem contra isso é justíssimo, mas homofobia jamais não pode mais ser confundida com BOM SENSO.O que vem acontecendo na sociedade é uma apologia impositiva à androginia. Seja nas tendências de moda, que estimulam a homens a serem delicados e afeminados, a mulheres a serem agressivas e masculinizadas, seja nesses projetos de lei que imunizam cada vez mais estes grupos ditos minoritários como algo certo e bonito, achando que estão fazendo algo que beneficia os homossexuais sim, mas não o conjunto da sociedade. Qualquer ser com um mínimo de capacidade mental sabe que homossexualismo realmente não é doença, mas uma livre opção, pois somos livres em nossas escolhas, e Deus nos fez livres. Por isso acho que esses pirralhos seguidores de tendências, na verdade são uns autênticos JOÃO - MARIA VAI COM AS OUTRAS, que dão beijinho em amiguinhos só porque é moda, não são na verdade homossexuais, são pessoas com carências e desequilíbrios emocionais, a procura de sensações e novas experiências, e ainda precisando de auto afirmação na sua própria identidade.

Continua...

17 de novembro de 2016 12:11

O que pode haver de parte da sociedade, é a prevenção destes comportamentos desagregadores e provocativos através do esclarecimento nas famílias e nas escolas. Deixar claro para criança desde cedo que independente do que ela seja, ou venha a ser no futuro pelas suas escolhas, ela deve agir com bom senso e respeito ao diferente, e que chilique, frescuras e escândalos exibicionistas são comportamentos desaprovados pela maioria da sociedade, isto sim, irá ajuda-la a se tornar um ser humano mais digno e respeitável, independente de sua condição sexual homo ou heterossexual.


Portanto, o recado final que dou a pessoas com este tipo de comportamento propositalmente provocativo, é: parem de agir como coitadinhos. Vocês não são vítimas de ninguém, a não ser de vocês mesmos. Parem de confundir homofobia com bom senso, do contrário, assumam as consequências de seus atos, pois só colhemos o que plantamos, simples assim. E por fim, se desejamos criminalizar a homofobia, não podemos sair por aí simplesmente chamando aos preconceituosos de homofóbicos. Se assim fosse, todas as demais espécies de preconceito deveriam também ser criminalizadas. Será que sobraria alguém, incluindo vocês mesmos?...

Pensem nisto!

8 de dezembro de 2016 00:21

Li seu artigo e seu comentários são bem definidos e apontam respostas sem ofensas e desmoralidade como muitos que se dizem de direita fazem.
Por isso estarei confortável para fazer minhas criticas ao fato de apoiar um politico como o Bolsonaro.
Não dá para concorda com o ponto expressado neste artigo de que “Bolsonaro é um político conservador e que que conserva a tradição dos bons costumes, e que visa o bem comum “isto entra em contradição com as próprias palavras do Bolsonaro “ eu estudei e me esforcei como um desgraçado, para ficar “ rico “ e chegar onde cheguei para fazer política para os pobres ?
Bom dá para ver que ele só visa o bem de uma classe. Então quer dizer que quando vc chega ao topo vc não olha pra baixo? VC então chegou sem ter nenhuma oportunidade, só o seu esforço te pois lá então? Mas então quem não é rico não se esforçou na vida e não batalho? NÃO! simplesmente estes não tiveram oportunidade, vieram de famílias pobres, e como dá para ver este político so vai favorecer a classe dos mais favorecido.
Pela forma como vc se expressa e pelo conhecimento que vc demonstra eu creio que vc não sabe como é o ensino público neste pais, não assim na pele... O jovem do ensino público de hj chega ao terceiro ano do ensino médio sem saber que é seu verdadeiro papel na escola, ele só sabe que deve “passar de ano “enquanto que o jovem do ensino particular, já está manipulando ferramentas de trabalho profissional, e tendo acesso a diversas formas de crescimento e aperfeiçoamento acadêmico.
Bolsonaro |é do tipo que daria a melhor comida aos porcos e deixaria os restos para as pessoas pobres, pois estes poderão ser vendidos e lhe trazer fortuna, não se importa com a condição que teria que deixar seus semelhantes e sim apenas no quanto ele vai ganhar fazendo isto.
Bolsonaro está certo em defender que, o rel está sendo julgado por um crime para pagar por ele, e não ter mordomias na prisão, mas com certeza ele não daria chance de ressocialização para este rel, não daria um emprego a esta pessoa, um direito de estudo, pois nas palavras dele mesmo “eles devem se foder mesmo “não defendo o crime e sou a favor da pena de morte, mas eu acredito em ressocialização, e não opressão.
Um político que ironiza o estupro, rebaixa a mulher como se fosse menos do que os homes de que existem julgamentos e condições para determinar se uma mulher pode ser estuprada, é para mim repugnante e imoral, uma pessoa sem “amor ao próximo “nenhuma mulher MERECE ser estuprada, ainda defender que as mulheres devem ganhar menos pois ficam gravidas e dão prejuízo a empresa, e uma pessoa extremamente insensível que não visa o bem coletivo e sim o próprio bem e de sua fortuna.
Não adianta nosso pais andar pra frente economicamente e o preconceito, a descriminação, a intolerância, os julgamentos forem tratados como piada, já não basta a violência que já existe contra mulher, contra homossexual, e afrodescendentes que não é nem ao mesmo argumento de tanto que se ve, e uma pessoa se demonstrar a favor desse tipo de atitude
O bolsonario para mim é uma pessoa, desculpe – me desprezível, insensível, imoral, extremamente radical.
Outro ponto que entra em contradição com este artigo é de que “o empresário é uma pessoa intelectual que em vez de escrever poesia monta empresa “mas como assim a pessoa que cria poesia também é intelectual e no sistema capitalista esta pessoa também vende essa sua poesia criada com seu intelecto que pode lhe gerar fortuna também, assim como o empresário. E sim o trabalhador que faz a fortuna, para um trabalhador que trabalha para o empresário, e ganha o salário que a empresa paga ele teria que reencarnar 100000 mils vezes para ganhar o lucro que o dono ganha com seu esforço.
Gostaria que vc me respondesse sem menosprezar as classes menos favorecida como muitos da direita fazem

8 de dezembro de 2016 09:45

Prezado anônimo,

Você faz afirmações baseadas nas suas deduções pessoais,em uma fonte neutra e segura para suas afirmações, e ainda quer que eu as considere fatos incontestes. Ora a direita pode ser tudo menos burra.Pensar que a direita só pensa em prejudicar os pobres, é pura idiotice. Os países desenvolvidos estão ai para provar que os pobres são os maiores beneficiados com o desenvolvimento e desinchamento do estado pesado e cheio de mamadores oportunistas. Se a Petrobras fosse uma empresa Privada você acha que ela teria sofrido este roubo escandaloso que praticamente a quebrou? Você é a prova concreta de tudo isto que falei inicialmente, a qual espero que consiga responder pontualmente:

O deputado Jair Bolsonaro é polêmico? Sim !!! Porém, as pessoas tendem a crer primeiro no que falam de mal de alguém, e tendem a acreditar em tudo o que a mídia diz. Felizmente hoje com a internet temos como pesquisar informações, sem passar pelo intermédio de meia dúzia de idiotas que querem dominar e manipular a mídia. E como em todo meio profissional, seja ele qual for, é preciso separar os bons profissionais dos picaretas, ou seja, joio do trigo,com o jornalismo não pode ser diferente.Nisso resulta que alguns jornalistas agem de má fé, outros por ignorância, outros por tendências ideológicas, outros por interesses e promoções pessoais. São poucos os jornalistas e meios de mídia que entrevistam Jair Bolsonaro de forma isenta e imparcial. Entendo-o como um sujeito íntegro, apesar de não concordar com algumas de suas ideias. Ele é um conservador íntegro, o qual podem acusa-lo de tudo, menos de corrupto. Mas eleições não se vencem apenas com integridade, mas também com estratégia política. Isso não significa defender o abandono de seus valores e princípios morais, mas entender o jogo político por trás das eleições para enfim poder existir uma chance de se obter um resultado efetivo. Acho que Bolsonaro seria uma vítima perfeita para as raposas da política, especialmente aquelas da extrema-esquerda. Não o vejo capaz de se desviar do amontoado de estratagemas que estas pessoas são capazes de fazer. Um exemplo claro está em como ele foi uma vítima fácil de Rafinha Bastos em um de seus programas. E olhe que Rafinha é um esquerdista com inteligência muito, mas muito limitada. Imagine diante dos pensadores de plantão das esquerdas infiltrados em todas as nossas instituições ?Não estou questionando a inteligência de Bolsonaro, mas sua perspicácia em termos de guerra política. Para que a direita seja bem representada por um candidato, é preciso que este saiba controlar o frame, manter uma postura combativa, saber ser pragmático e objetivo em suas propostas e daí por diante. Para isso, é preciso, antes de tudo, de um pensamento orientado à estratégia política.

Continua...

8 de dezembro de 2016 09:45

Eu particularmente, apesar de desejar muito, duvido que Bolsonaro consiga se desvencilhar das artimanhas que serão lançadas contra ele. Será que ele conseguiria aprender a defender-se e lutar na guerra política em tão curto tempo? Assimilar os conceitos da guerra política não é algo que se faz do dia para a noite. Falamos de uma mudança de mindset e até mesmo da percepção em relação ao mundo que nos rodeia. Se Bolsonaro conseguir fazer isso em tão curto tempo, me surpreenderá. (Eu demorei mais de anos para assimilar em termos conscientes a nova forma de visualizar a nova e velha política, por exemplo).Entenda o porque Bolsonaro não é, e não precisa ser nem mito, nem muito menos herói. Ele também não é TODAS as mentiras que falam a respeito dele (homofóbico, nazista, facista, e mais as bobagens que todos já estamos acostumados a ouvir) .Bolsonaro NÃO É MITO, até mesmo porque o mito é uma figura criada para as pessoas idolatrarem. Bolsonaro NÃO É HERÓI, ou salvador da pátria. Engraçado como o povão ainda acredita que exista essa baboseira de herói. Achavam o mesmo de Collor e Lula, e vejam no que deu e no fundo do poço em que nos encontramos. Isso não significa que Bolsonaro seja igual a Lula ou Collor, pois entre Bolsonaro e Lula há um grande abismo. É como querer juntar água com óleo.E ninguém precisa ser um gênio para saber disso, a não ser as pessoas que somente enxergam ele como homofóbico, nazista, etc, ou seja, pessoas que acreditam em tudo que a mídia lhes fala. Bolsonaro será um Excelente Presidente, disso não tenho a menor dúvida. Se formos analisar a situação de Bolsonaro, ela é semelhante a do governo de Macri na nossa vizinha Argentina. Vejam o que governo Macri fez e está fazendo na Argentina em tão pouquíssimo tempo. O maior desafio de Bolsonaro não será a Economia: e sim A RESTITUIÇÃO DOS VALORES MORAIS E DA PLENA LIBERDADE DE EXPRESSÃO.

Brasil acima de tudo,e Deus acima de todos e ninguem acima da lei como Lula, Renan e CIA LTDA !!!

23 de março de 2017 13:45

Boa tarde,
A cada palavra dita, eu só achei graça, porque você foi tão ironico, quando diz sobre a questão do conservadorismo, ok sou cristã e também não apoio uma entre outras, mas todos merecem respeito!
a questão da opinião do Sr. Bolsonaro referente a mulher ganhar menos porque reproduz, isso é ridiculo, ai ele diz que "É a liberdade de escolha...tudo na vida tem um preço pelas nossas escolhas...Ou você quer dar cota para mulher? Eu não quero ser carrasco das mulheres, mas vamos dar a Cesar o que é de Cesar...", aaaaaa imagina se a mulheres parassem de engravidar só para ganhar mais, seriamos o país mais velho do mundo, morreriamos e não existiria brasileiro pois todo país estaria velho demais, isso porque pela iniciativa da opinião do nosso queridinho as mulheres devem ganhar menos!

27 de março de 2017 09:19

Prezada Sthevia,

Não se discute aqui a dignidade da mulher e seus direitos,mas apenas o que é justo dentro de um processo produtivo. Se vc produz mais, você deve ganhar mais, se produz menos, deve ganhar proporcional a sua produção de trabalho, pois ganhar igual a quem trabalha mais tempo, e produz mais dentro de um processo produtivo é completamente ilógico e injusto. Simples assim...

Shalom !!!

Postar um comentário

Conforme a lei o blog oferece o DIREITO DE RESPOSTA a quem se sentir ofendido, desde que a resposta não contenha palavrões e ofensas de cunho pessoal e generalizados.Serão analisadas e poderão ser ignoradas e ou, excluídas.

Quem sou eu?

Minha foto
CIDADÃO DO MUNDO, NORDESTINO COM ORGULHO, Brazil
Neste Apostolado promovemos a “EVANGELIZAÇÃO ANÔNIMA", pois neste serviço somos apenas o Jumentinho que leva Jesus e sua verdade aos Povos. Portanto toda honra e Glória é para Ele.Cristo disse-nos:Eu sou o caminho, a verdade e a vida e “ NINGUEM” vem ao Pai senão por mim." ( João, 14, 6).Como Católicos,defendemos a verdade, contra os erros que, de fato, são sempre contra Deus.Cristo não tinha opiniões, tinha verdades, a qual confiou a sua Igreja, ( Coluna e sustentáculo da verdade – Conf. I Tim 3,15) que deve zelar por elas até que Cristo volte.Quem nos acusa de falta de caridade mostra sua total ignorância na Bíblia,e de Deus, pois é amor, e quem ama corrige, e a verdade é um exercício da caridade.Este Deus adocicado,meloso,ingênuo, e sentimentalóide,é invenção dos homens tementes da verdade, não é o Deus revelado por seu filho: Jesus Cristo.Por fim: “Não se opor ao erro é aprová-lo, não defender a verdade é nega-la” - ( Sto. Tomáz de Aquino)

As + lidas!

 
Support : Creating Website | Johny Template | Mas Template
Copyright © 2013. O BERAKÁ - All Rights Reserved
Template Created by Creating Website Published by Mas Template
Proudly powered by Blogger